Em mais uma decisão liminar, Justiça manda Estado pagar policiais civis

Presidente da Ugopoci disse que está concentrando esforços para fazer cumprir a decisão judicial que beneficia seus associados

Em mais uma decisão liminar, o Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) determinou, nesta quarta-feira, 16, que o Estado pague imediatamento o salário de dezembro de 2018 aos associados da União Goiana dos Policiais Civis (Ugopoci).

No entanto, o desembargador Itamar de Lima indeferiu o pedido de bloqueio de valores na conta do Estado suficientes para cumprir a obrigação.

De acordo com o presidente da Ugopoci, José Virgílio, o pedido foi protocolado nesta terça-feira, 15, e por se tratar de verba alimentar, o TJ decidiu em 24 horas, tempo recorde.

“Isso mostra a importância da justiça para a proteção dos direitos da sociedade.Por outro lado, esperamos que o estado, com a mesma celeridade, cumpra a determinação”.

Ainda de acordo com José Virgílio, a partir de agora, o Departamento Jurídico da entidade está concentrando esforços para fazer cumprir a decisão judicial que beneficia seus associados.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Joaquim Ribeiro

Para o estado (governo) estas ordens judiciais tem o mesmo valor que uma ticaca que um cachorro faz.
Essas ordens judiciais so tem validades para quem não tem o poder nas mãos e os juízes sabem muito bem disto , por isso essa encurradas de liminares Mas nenhuma foi cumprida.