Em Goiás ainda há protestos de caminhoneiros, segundo MINFRA

Nos estados de Rondônia, Bahia, Pará, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Tocantins ainda há aglomerações

Nesta quinta-feira, 9, ás 20h30, o Ministério da Infraestrutura (MINFRA), com base em informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), informou que nos estados da região sul, incluindo Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, estão a maior concentração em rodovias federais de protestos dos caminhoneiros. Em Goiás, a paralisação continua em alguns pontos.

Os estados de Rondônia, Bahia, Pará, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Tocantins também foram identificados pontos de concentração dos caminhoneiros. Contudo, o número de ocorrências é 11% menor do que o último boletim, com tendência de maior redução ao longo da noite.

A região do sul do Brasil é a que continua com mais da metade das paralisações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.