Em Goiânia, Queiroga elogia Caiado e diz que “há governadores e governadores”

Ministro da Saúde voltou a defender a retomada da economia e disse que vacina será forma do governo “entrar no coração dos brasileiros”. Autoridades seguem agenda na capital durante a tarde desta terça-feira, 15

Marcelo Queiroga está em Goiânia para compromissos ao lado do governador Ronaldo Caiado (DEM). A tarde começou com uma vistoria nas novas instalações do Hemocentro Coordenador Estadual de Goiás Prof. Nion Albernaz, onde o ministro da Saúde aproveitou para dizer que pretende ampliar a vacinação para que o Governo Federal possa “entrar no coração dos brasileiros”.

O ministro disse que nesta situação de emergência internacional na saúde pública é preciso união entre estados, municípios e governo federal para enfrentar a pandemia. “Para superar nosso único inimigo que é o vírus só temos um remédio: a união entre os governos”, disse em sua primeira fala na Capital.

Disse que Goiás sempre foi um Estado que “nunca faltou com o Brasil”, mas lembrou: “Existem governadores e governadores, mas podem ter a certeza que o governo federal atua em absoluta parceria com a secretaria Estadual de Goiás e a municipal em Goiânia”, disse dirigindo-se ao prefeito Rogério Cruz (Republicanos), que também estava presente.

Vacinas

O ministro disse que tem investido em insumos para o tratamento da covid, como kits de intubação e respiradores artificiais, mas destacou que a prioridade do Ministério da Saúde é a vacina. “Queremos entrar no coração de cada um dos brasileiros com as vacinas. Queremos proteger a saúde e fazer com que nossa economia volte a funcionar, com que o agronegócio, em Goiás, se desenvolva para que possamos viver da maneira mais feliz possível”, concluiu.

O prédio do Hemocentro passou por reforma e ampliação e foi inaugurado no dia 1º de junho. A unidade recebeu recursos de R$ 9,3 milhões, além de verba para aquisição de mobiliários e equipamentos.

Seguindo agenda na capital, o governador e o ministro seguem para um posto de vacinação na Unidade de Pronto Atendimento (Upa) do Jardim América.

Entre as autoridades presentes estavam o secretário Estadual de Saúde, Ismael Alexandrino; o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz; o secretário municipal de Saúde, Durval Pedroso; o senador Luiz do Carmo; o deputado Zacharias Calil; entre outras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.