Em Goiânia, policial da Rotam mata esposa e comete suicídio em seguida

Suspeita é de que tenha sido um crime passional

Foto: Reprodução

O policial militar da Rotam, identificado como Alessandro Rosa dos Santos, é suspeitado de ter atirado contra a própria esposa e cometido suicídio logo em seguida, na porta de uma distribuidora de bebidas no Jardim Bela Vista, em Goiânia, na noite deste domingo (14/10).

A mulher não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O sargento da Rotam chegou a ser socorrido com vida e encaminhado a uma unidade de saúde, mas também veio a óbito.

De acordo com informações preliminares, o crime teria sido motivado por ciúmes. O casal teve uma briga na distribuidora momentos antes dos disparos.

O sepultamento do Sargento Alessandro está previsto para as 17h30 desta segunda-feira (15) no Cemitério Memorial. Não há informações sobre o enterro da mulher.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.