Em 15h, Goiânia registra oito homicídios

Casos ocorreram em diferentes bairros da capital, no sábado. Após morte de menor no Setor Conjunto Morada do Sol, governador Marconi Perillo anunciou força-tarefa

Goiânia foi palco de oito homicídios em um intervalo de 15 horas segundo a Polícia Civil. As mortes ocorreram entre 9h30 e 23h50 do último sábado (3/8). O caso que chamou mais atenção aconteceu à tarde. A jovem Ana Lídia de Sousa Gomes, de 14 anos, estava em um ponto de ônibus no Setor Conjunto Morada Nova quando um suspeito em uma motocicleta se aproximou e efetuou vários disparos.

O primeiro caso foi de Caio Pires Barbosa, 17, morto ao tentar assalta um policial civil no Setor Cidade Jardim. O menor foi atingido com três tiros após troca de tiros e morreu no local. O agente de segurança foi baleado no braço e encaminhado para atendimento hospitalar.

Por volta de 23h50, Luiz Henrique Ferreira Campos, 17, foi assassinado no Setor Central. A hipótese é que ele tenha envolvimento com o tráfico de drogas, conforme informou a polícia. O suspeito conseguiu fugir.

Os outros homicídios foram registrados nos setores Residencial Alphaville, Mansões do Campus, Vila Itatiaia e Vera Cruz 2. A morte de uma idosa de 78 anos, no Conjunto Guadalajara, ainda é desconhecida.

Após a morte da menor Ana Lídia, o governador Marconi Perillo (PSDB) anunciou força-tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-GO) e da Delegacia Geral de Polícia Civil. O tucano afirmou em uma rede social que o objetivo é o de elucidar com mais rapidez os assassinatos contra mulheres na capital.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Cristiano Vieira

Só espero que não peguem alguém como bode espiatório para os crimes do motociclista.