Eduardo Bolsonaro tem conta no Facebook suspensa após citar Hitler

A conta do deputado está suspensa desde o dia 14 de julho e ficará assim até completar 30 dias

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), recorreu a Justiça do DF, nessa última segunda-feira, 19, para ter sua conta no Facebook recuperada, após a rede social decidir suspender o perfil do deputado por 30 dias. Decisão veio após supostas publicações que tinha frases de Adolf Hitler.

Essa não é a primeira vez que o filho do presidente recorre a Justiça para ter sua conta recuperada. Nos dias 8 a 14 de junho, o Facebook tinha excluído publicações de Eduardo em que ele divulgava um vídeo do próprio pai dizendo que havia uma “supernotificação” de óbitos por Covid no Brasil, dando a entender que os dados da doença eram mentirosos. Nessa caso, Eduardo recorreu ao Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios. A plataforma teria respondido que tinha sido uma “questão técnica”.

*Com informações do Poder 360

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.