Economia mundial deve alcançar o marco histórico de US$ 300 trilhões em 2022

De acordo com projeções feitas no ano passado, a alta do PIB global só atingiria essa marca em 2024

A moeda real segue desvalorizada, segundo projeções da CEBR

Segundo o relatório do Centro de Economia e Pesquisa Empresarial do Reino Unido, divulgado neste domingo, 26, a produção econômica mundial ultrapassará US$ 100 trilhões pela 1ª vez da história em 2022. Antes, essas projeções indicavam que esse marco só seria atingido em 2024.

Os economistas do Centro de Economia e Pesquisa Empresarial (na sigla em inglês, CEBR), indicam que se recuperar da pandemia do Covid-19 e as questões climáticas serão os principais desafios para a economia mundial. “Esperamos que um ajuste relativamente modesto no leme traga elementos não transitórios sob controle. Do contrário, o mundo precisará se preparar para uma recessão em 2023 ou 2024”, alerta o vice-presidente do CEBR, Douglas McWilliams.

No ranking das maiores economias do mundo em 2021, o Brasil se encontra em 11º lugar. A previsão dos economistas é de que o país alcance a 9ª posição em 2036. Uma das principais razões para o baixo crescimento, seria a desvalorização do real e a alta da inflação no país. “A fraqueza da moeda brasileira está aumentando as pressões inflacionárias. O real perdeu cerca de 1/4 de seu valor desde o início da pandemia em 2020”, diz o relatório da CEBR.

“O Brasil entrou em recessão no 3º trimestre de 2021 e os dados preliminares do 4º trimestre do ano sugerem que o crescimento continua sofrendo com a alta inflação política monetária mais rígida e interrupções na cadeia de abastecimento”, continua o relatório.

Ainda segundo a CEBR, a alta taxa de vacinação contra a covid e retomada no ciclo de commodities no país no ano que vem é o que “podem reforçar as perspectivas de crescimento para o país num futuro próximo”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.