O governador Ronaldo Caiado (UB) e a primeira-dama Gracinha Caiado lamentaram a morte da ex-deputada federal, senadora e ex-primeira-dama de Goiás e de Goiânia Iris Rezende de Araújo, de 79 anos, a Dona Iris. Ela faleceu na tarde desta terça-feira, 21.

Caiado afirmou que Dona Iris construiu uma trajetória marcada, essencialmente, pela “defesa de políticas sociais para a população mais vulnerável”, exercendo “protagonismo na política goiana”.

O governador recordou quando foi colega de Iris na Câmara Federal e ressaltou que a política exercia os “mandatos com coragem e altivez”. Para ele, a ex-parlamentar foi “sempre uma voz em defesa do povo goiano.”