A Polícia Militar de Goiás (PMGO) confirmou a morte de dois suspeitos de participar do transporte de um carregamento de 400 quilos de cocaína em Jussara, nesta sexta-feira, 10. De acordo com a PM, um avião invadiu a pista de pouso da fazenda do cantor sertanejo Leonardo para realizar o carregamento de cerca de meia tonelada de cocaína.

Com a invasão, a polícia foi acionada, e ao chegar no local, teria sido recebida a tiros pelos suspeitos. Na troca de tiros, segundo a polícia, dois homens foram alvejados e morreram. A informação foi repassada com exclusividade pela PM ao Jornal Opção.

A polícia afirmou ainda que outros suspeitos fugiram no veículo e que uma operação de busca ainda está em andamento.

Foram encontradas, além das drogas, algumas armas de fogo com os suspeitos.

Ao Jornal Opção, a assessoria do cantor Leonardo confirmou que o sertanejo não estava na fazenda Talismã no momento da invasão. De acordo com a assessoria, o cantor está em São Paulo embarcando para o Navio Cabaré.

Por meio de nota, o Instituto de Criminalística de Goiânia confirmou o óbito de dois integrantes do grupo suspeito de invadir a fazenda em Jussara. “Fomos requisitados para fazer a perícia no local do confronto (onde os dois foram alvejados). Eles foram socorridos ao Hospital Municipal de Jussara, mas não resistiram. Então fomos requisitados para fazer a remoção dos mesmos para o IML da Cidade de Goiás, onde estamos realizando a necrópsia dos dois corpos“, diz a nota.

Matéria em atualização

Leia também:

Líder religioso é preso por tráfico de drogas em Goiânia; veja vídeo

“Boa noite, Cinderela”: empresário goiano do segmento agroveterinário é preso por tráfico interestadual de cetamina