Dilma reage a provocação de Ciro Gomes de que Lula teria conspirado para seu impeachment

O candidato do PDT afirma isso pelo fato do petista ter uma relação de proximidade com quem apoiou e votou no processo que retirou Rousseff da presidência

Em uma entrevista para o Estadão Notícias, o pré-candidato à presidência da República, Ciro Gomes (PDT), afirmou que Lula conspirou para o impeachment da Dilma Rousseff. Segundo ele, “quem fez o golpe foi o Senado Federal. Quem presidiu o Senado? Renan Calheiros. Com quem o Lula está hoje?” A ex-presidenta respondeu ás provocações.

“Eu atuei contra o impeachment, e quem fez o golpe foi o Senado Federal. Quem presidiu o Senado? Renan Calheiros. Quem liderou o MDB nessa investida? O Eunício Oliveira. Com quem o Lula está hoje? Hoje eu estou seguro que o Lula conspirou pelo impeachment da Dilma, estou seguro”, disse Gomes.

Em uma série de postagens em seu Twitter, a ex-presidenta respondeu à essa afirmação de Ciro Gomes. “Mais uma vez mente de maneira descarada, mergulhando no fundo do poço”, disse em um dos tuítes. “Ciro sistematicamente distorce os fatos. E, nisso, não se difere em nada de Bolsonaro. Ambos adoram quando os alvos de suas agressões reagem. Precisam disso para obter likes e espaço na mídia. É disso que se alimentam.”

Ciro ainda afirmou que o que levou Bolsonaro ao poder foi a corrupção no governo Lula e Dilma. “Quem produziu o Bolsonaro foi a irresponsabilidade criminosa e corrupta do Lula. Foi a crise econômica produzida pela falta absoluta de responsabilidade do Lula, que nos impôs uma presidenta, sem nenhuma qualificação para o cargo, sem aptidão e vocação, que fez o oposto do que prometera”, disse.

Dilma rebateu essa declaração e disse que Ciro é extremamente presunçoso. “Este é o pecado de sua enorme presunção. Esta é a sua visão quando se trata de avaliar o resto da humanidade. Mas quando se trata de mulher, sua visão não é só inadequada, é também profundamente misógina”, disse a política.

O ex-presidente Lula não se pronunciou sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.