Dilma indica Luiz Edson Fachin para o STF

Advogado paranaense deverá passar por sabatina no Senado e, caso aprovado, assumirá vaga deixada por Joaquim Barbosa

Luiz Edson Fachin é o novo ministro do STF | Foto: divulgação

Luiz Edson Fachin é o novo ministro do STF | Foto: divulgação

O professor e advogado paranaense Luiz Edson Fachin foi indicado pela presidente Dilma Rousseff (PT) como novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Antes de assumir a vaga deixada por Joaquim Barbosa, ele terá que ter o nome aprovado pelo Senado.

No Congresso, não deverá ter resistência, pois o presidente Renan Calheiros (PMDB-AL) acabou por aceitar Fachin — sendo que o PT o avaliza. A decisão vem após quase um ano da aposentadoria de Joaquim Barbosa e depois de muitas reuniões no Palácio do Planalto.

O futuro ministro ocupa cargo no governo Beto Richa (PSDB), no Paraná, e já advogou para movimentos sociais, como o MST.  É professor de Direito Civil na Universidade Federal do Paraná, além de sócio fundador do escritório Fachin Advogados.

 

Uma resposta para “Dilma indica Luiz Edson Fachin para o STF”

  1. Avatar Jânia Paula disse:

    Só de ver meu estômago embrulhou… Sou antiviolência, mas do jeito que as coisas caminhão vou desistir dos protestos pacíficos. Agora eu quero que Dilma e esse PT se ferrem! Não adianta mais protestos pacíficos, quanto mais protestamos pacificamente, mas a coalizão política e a velha ordem nos agridem. É as trevas das Bestas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.