Desfile de tanques e armamentos na Esplanada é visto como intimidação pelos Parlamentares

Deputados e senadores encararam o ato como uma ameaça ao Congresso

Durante a manhã da terça-feira, 10, acontecerá na Câmara a votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto impresso. No mesmo dia, a Marinha, e pela primeira vez, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira irão realizar o desfile de armamento, também conhecido como Operação Formosa, por determinação do Ministério da Defesa. Os deputados e senadores viram essa atitude como intimidação do presidente Jair Bolsonaro e decidiram que irão entrar com medidas na Justiça para impedir o desfile.

A coincidência dos eventos e diante das várias ameaças anti democráticas do presidente Bolsonaro e do ministro da Defesa e militar, Walter Braga Netto, em relação a aprovação da Emenda, foram vistos pelo Judiciário e o Legislativo como uma tentativa do presidente de intimidar o Congresso e o Supremo Tribunal Federal (STF). Ambos (Bolsonaro e Braga Netto) já declararam que as eleições de 2022 só aconteceram caso seja em voto impresso. Um dos senadores que se manifestaram foi Randolfe Rodrigues que se dirigiu diretamente a Bolsonaro e disse em seu Twitter “Quer tentar golpe Sr. @jairbolsonaro? É o crime que falta para lhe colocarmos na cadeia.”

A votação do voto impresso já tinha acontecido em uma comissão especial que avaliou o tema e rejeitou por 23 votos contra e 11 a favor. Contudo, devido as insistências de Bolsonaro, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) decidiu levar a votação ao plenário alegando que era “pela tranquilidade das próximas eleições”.

Em nota, a Marinha disse apenas que “a Operação Formosa tem o propósito principal de assegurar o preparo do Corpo de Fuzileiros Navais como força estratégica, de pronto emprego e de caráter anfíbio e expedicionário, conforme previsto na Estratégia Nacional de Defesa. […] Na oportunidade, às 8h30, no Palácio do Planalto, serão entregues ao Presidente da República, Jair Bolsonaro, e ao Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto, os convites para comparecerem à Demonstração Operativa, que ocorrerá no dia 16 de agosto, no CIF”.

Confira a reação de alguns parlamentares quanto ao desfile:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.