Desemprego bate recorde e chega a 7,5% em julho

Taxa é a maior para o mês desde 2009. Número representa um aumento de 0,6% em relação a junho e 2,6% em comparação à julho de 2014

De acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na manhã desta quinta-feira (20/8), a taxa de desemprego no Brasil atingiu a marca dos 7,5% em julho.

Esse número representa um aumento de 0,6% em relação a junho, quando foi registrado um percentual de 6,9%, e de 2,6% em comparação à julho de 2014, que registrava 4,9%. Essa é a taxa mais alta para o mês de julho desde 2009, quando o número chegou a 8%.

Entre junho e julho, 158 mil pessoas ficaram desempregadas, somando um total de 1,8 milhão pessoas. Comparando com julho de 2014, a diferença é de mais 662 mil pessoas em busca de trabalho, um aumento de 56%.

Os dados de população empregada e de população não economicamente ativa, porém, ficaram estáveis. Já os números de trabalhadores com carteira de trabalho assinada no setor privada caiu 1,5% em relação a junho e 3,1% em comparação com julho de 2014.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.