Deputados aprovam em definitivo venda da Celg

Em projeto da governadoria, parlamentares autorizam que 49% das ações da companhia que são do Estado sejam alienados em parte ou em sua totalidade 

Deoutados de oposição Bruno Peixoto (PMDB) e Luis Cesar Bueno (PT) questionaram a aprovação do projeto | Fotos: Marcos Kennedy

Deoutados de oposição Bruno Peixoto (PMDB) e Luis Cesar Bueno (PT) criticaram massivamente o projeto | Fotos: Marcos Kennedy

Os deputados estaduais aprovaram em segunda e definitiva votação, durante sessão extraordinária na Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (1º/7), a autorização para venda das ações da Celg D que pertencem ao Estado — 49%, já que 51% já foram repassados para a Eletrobras. A alienação poderá ser feita em totalidade ou em parte.

No plenário, peemedebista Bruno Peixoto fez um apelo, fazendo referência à venda da usina Cachoeira Dourada, na década de 80, quando Maguito Vilela era governador em Goiás. “O PMDB cometeu um erro. Não vamos repetir este erro”, garantiu.

O líder do governo, José Vitti (PSDB), disse na última terça-feira (30/6), durante debate na CCJ, que não faria diferença vender ou não a companhia, com a justificativa de que o Estado já não é dono majoritário. “A Eletrobras manda em maior parte, e lá na frente eles vão vender também. Então, vamos vender logo, fazer um caixinha”, pontuou.

Como apurado pelo Jornal Opção Online, o Tribunal de Contas da União (TCU) deve analisar as concessões de 39 empresas de energia elétrica na quarta-feira da próxima semana, dia 8 de julho. Dentre elas, está a companhia goiana. No último dia 18, o TCU determinou que o Ministério de Minas e Energia (MME) suspendesse a prorrogação da concessão da companhia e outras 38 empresas de distribuição de energia.

Projeto foi aprovado com os votos contrários dos deputados Humberto Aidar (PT), Paulo Cesar Martins (PMDB), Luis Cesar Bueno (PT), Adib Elias (PMDB), Major Araújo (PRP), Bruno Peixoto (PMDB), Ernesto Roller (PMDB), Isaura Lemos (PC do B) e Delegada Adriana Accorsi (PT).

1 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ricardo

O que vai acontecer para nós consumidores que estamos pagando valores absurdamente altos e jamais antes vistos na história da cidade de Goiânia? O que está ocorrendo neste momento é um verdadeiro assalto a população dessa cidade, só isso que sei. E para mim não importa se vai vender ou se vai manter com estado. O que importa é quem e como vai fazer para diminuir esse roubo que está havendo em nossas contas de energia.

istephany

Valor alto?
Acho que não viu o preço da energia em outros estados… Entre no site da ANEEL e veja os valores pra cada estado