Deputado lamenta falta de quórum na Assembleia Legislativa de Goiás

Dos 41 parlamentares, apenas um não disputa as eleições de 2018

Álvaro Guimarães | Foto: Ruber Couto

Em ritmo de campanha eleitora, a Assembleia Legislativa de Goiás tem ficado cada vez mais vazia. Dos 41 deputados, apenas um não é candidato nesse pleito: Marquinho Palmerston (PSDB).

Com os ânimos voltados para a disputa eleitoral, as sessões ordinárias da Alego não tem atingido quórum para votação de matérias e acabam sendo encerradas minutos após ser aberta.

O deputado estadual e candidato à reeleição, Álvaro Guimarães (DEM), diz que a rotina na Casa de leis está difícil. “”O deputado tem a obrigação de estar aqui no plenário e de estar no interior do estado também. Mas a obrigação primeira é aqui. É aqui que a gente aprova projetos, fiscaliza o governo, apresenta matérias que são de interesse dos municípios e da população”, declara.

O parlamentar ressalta que, apesar de o painel do plenário geralmente registrar um grande número de parlamentares presentes nas sessões, a realidade é diferente. “Você olha no painel e tem 21 presenças, mas se você olhar no plenário não tem mais de 10 deputados. Eles passam por aqui, registram a presença e vão embora”.

Para Álvaro Guimarães, poucos projetos devem ser votados nesse período eleitoral. “Eu vejo isso com muita tristeza”, finaliza.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.