Deputado federal Zacharias Calil diz ser alvo de fake news nas redes sociais sobre voto ao “fundão partidário”

O parlamentar rebate a disseminação de usuários de redes sociais de que ele teria votado a favor do novo modelo de uso e arredação do fundo partidário

Deputado Zacharias Calil | Foto: Renan Accioly/Jornal Opção

O deputado federal Zacharias Calil (DEM-GO) afirma ser vítima de fake news nas redes sociais, onde usuários disseminam a informação de que o parlamentar votou favoravelmente ao projeto do “Fundão Partidário”, iniciativa aprovada para ampliar a arrecadação do fundo e permitir o uso do recurso em pagamentos de advogados de políticos investigados ou condenados. O projeto, inclusive, sofreu vetos do presidente Jair Bolsonaro (PSL) sobre esses artigos.

“Eu não votei a favor do novo fundo partidário para usar dinheiro público para defender ‘interesses privados das legendas’, que podem servir para pagar advogados de políticos investigados e condenados”, esclareceu o deputado federal. “O trecho, inclusive, foi vetado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, e eu defenderei a manutenção desses vetos, quando forem apreciados no Congresso”, assegurou Zacharias.

O projeto de Lei 11021/18 foi aprovado pela Câmara dos Deputados no dia 3 de setembro, e seguiu para o Senado, onde foi aprovado com modificações feitas pelos senadores. Por isso, somente as partes alteradas foram novamente votadas na Câmara dos Deputados. “Não era o caso do aumento do fundo partidário e deste ponto em específico”, explicou o deputado.

“Portanto, na única oportunidade que tive de votar sobre o possível aumento do fundo partidário, e sobre este ponto do tema, que permite o uso dos recursos do fundo para interesses privados, eu fui contrário”, finalizou o parlamentar.

Uma resposta para “Deputado federal Zacharias Calil diz ser alvo de fake news nas redes sociais sobre voto ao “fundão partidário””

  1. Avatar Dalmy Pedro disse:

    O que que esse Dr foi fazer na política ?? NADA !! E ainda vai se queimar !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.