Deputado cobra celeridade na entrega de documentos solicitados ao governo estadual

“Nem adianta tentarem nos vencer pelo cansaço. Quem não deve não teme“, afirma Alysson Lima

O deputado estadual Alysson Lima (PRB) Cobra celeridade na entrega de documentos solicitados ao governo estadual_Jornal Opção
Deputado estadual Alysson Lima (PRB) | Foto: Reprodução

Uma das funções do Poder Legislativo é fiscalizar as ações do Poder Executivo, e o deputado estadual Alysson Lima (PRB) garante que, mesmo com o descaso do poder público em disponibilizar documentos solicitados pelos parlamentares vai continuar cobrando informações da gestão estadual.

“Solicitei informações sobre o cartão corporativo. O requerimento era em caráter de urgência, 15 dias no máximo, e a Secretaria da Fazenda não respondeu”, disse o deputado ao pontuar que a lentidão dificulta o andamento do trabalho na Alego.

O republicano está engajado também para analisar os documentos que contém informações sobre as últimas auditorias realizadas na Iquego e Metrobus: “Vamos avaliar para saber se realmente existem razões técnicas para uma possível privatização”.

Alysson afirmou que não se cansa de cobrar agilidade no processo. Enquanto vereador por Goiânia, ele disse que já passou por situações de cobrar documentos e os órgãos demorarem na tentativa de que houvesse desistência de sua parte.

“Nem adianta tentarem nos vencer pelo cansaço. Quem não deve não teme, e sabemos que esses documentos podem revelar questões muito graves, além disso são documentos públicos. Ninguém pode esconder isso“, garantiu o deputado.

Ele também está aguardando outros documentos que ainda não estão com prazo expirado, mas prometeu tomar providências: “Como integrante da CPI da Celg/Enel caso os documentos que solicitei não cheguem na próxima semana, vamos em comissão mas, se for o caso vou até sozinho buscá-los”, afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.