Projeto obriga venda de produtos de agricultura familiar em supermercados de Goiás

Texto da Adriana Accorsi também quer que atacadistas destinem espaços aos produtos dos pequenos agricultores

Deputada Adriana Accorsi | Foto: Foto Y. Maeda / Alego

Com o objetivo reposicionar a agricultura familiar nas políticas agrícolas, ambientais e sociais da agenda estadual e aumentar a visibilidade dos pequenos agricultores, a deputada delegada Adriana Accorsi (PT) propôs um projeto de lei que obriga supermercados, hipermercados e atacadistas a destinarem um espaço em suas gôndolas a estes produtores.

De acordo com a justificativa do projeto, essa medida ajudará na segurança alimentar e nutricional, na proteção do meio ambiente e no desenvolvimento sustentável, já que fomentará estas áreas rurais.

Além disso, no documento consta que “com a comercialização dos produtos o setor se fortalecerá, porque serão oferecidos alimentos de qualidade com preços acessíveis para garantir a sustentabilidade dos negócios e a confiança dos supermercadistas e
consumidores”.

O projeto, que tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), tem como relator o Deputado Simeyzon Silveira. Além disso, a matéria pode ser votada no Opine Cidadão, no site da Alego.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.