Delegado Waldir diz que não quer ser o Fábio Sousa de 2012

Deputado federal lamenta a saída do colega da disputa pela vaga de candidato do PSDB à Prefeitura de Goiânia e avisa que não aceitará “conchavos”

Delegado Waldir Soares durante encontro do PSDB na segunda-feira | Foto: Alexandre Parrode

Delegado Waldir Soares durante encontro do PSDB na segunda-feira | Foto: Alexandre Parrode

O deputado federal Delegado Waldir lamentou, em entrevista ao Jornal Opção, a saída do colega Fábio Sousa da disputa à vaga de candidato do PSDB à Prefeitura de Goiânia em 2016. O anúncio da desistência do, além de parlamentar, bispo foi feito na última quarta-feira (13/1).

Segundo Delegado Waldir, o partido é quem perde com a decisão do colega — o qual ele classifica como “correto”, “sério” e “competente”, que não faz uso de “artimanhas”.

Sem Fábio Sousa, disputarão as prévias do PSDB no dia 21 de fevereiro o deputado federal Giuseppe Vecci, o vereador Anselmo Pereira e o próprio Delegado Waldir. Isso se ele não suspeitar que há “conchavos” para privilegiar um dos pré-candidatos.

“Meu desejo é disputar a eleição pelo PSDB, mas se eu perceber qualquer tipo de privilégio ou preferência, não participarei das prévias. Se eu perceber que serei o Fábio Sousa de 2012 não participarei. Não quero ser o Fábio Sousa de 2012”, afirmou ele.

O receio de Delegado Waldir é que ele construa sua pré-candidatura e seja preterido pelo partido na hora agá — como teria acontecido com Fábio Sousa (então deputado estadual) na eleição de 2012, quando o PSDB apoiou Jovair Arantes (PTB) no pleito.

Na última segunda-feira (11/1), o presidente do diretório metropolitano do tucanato, Rafael Lousa, entregou a todos os então quatro pré-candidatos uma lista com todos os dados dos mais de 9 mil filiados ao partido que estão aptos a votarem nas prévias.

Waldir Soares revelou ao Jornal Opção que escalou uma equipe de dez pessoas para analisar ficha por ficha. “Quero saber quem são essas pessoas que votaram. Quem as filiaram, se têm alguma ligação com algum dos pré-candidatos”, informou.

Deixe um comentário