Convocar Iris para depor não faz sentido, avalia Paulo Garcia

Lista de depoentes inclui ex-prefeito de Goiânia e ex-secretários da extinta Seplam. Suspeita é que licenciamentos teriam sido emitidos em desacordo com o Plano Diretor 

Paulo Garcia (à direita) considera convocação de Iris Rezende um "exagero" | Fotos: Fernando Leite/Jornal Opção

Paulo Garcia (à direita) considera convocação de Iris Rezende um “exagero” | Fotos: Fernando Leite/Jornal Opção

A convocação do ex-prefeito de Goiânia Iris Rezende (PMDB) para depor na Comissão Especial de Inquérito (CEI) das Pastinhas na Câmara de Vereadores de Goiânia, a ser feita em agosto, é avaliada como “exagero” pelo prefeito Paulo Garcia (PT).

“Não conheço os detalhes da convocação, mas penso que há um exagero, é descabida. O ex-prefeito tem da minha parte total admiração. Tenho certeza que é um homem correto, probo e que trata o que é público com todos os critérios do republicanismo. Por isso, não vejo o maior sentido na convocação de Iris Rezende”, comentou o petista, em entrevista ao Jornal Opção Online na última quinta-feira (10/7). Paulo Garcia é aliado do ex-governador e foi eleito vice do peemedebista em 2008.

No último dia 6, a primeira reunião da CEI das Pastinhas definiu que Iris Rezende e outros quatro ex-secretários de Planejamento do município serão convocados para prestar esclarecimentos. Entre os  ex-secretários está o deputado estadual Francisco Jr. (PSD), ex-vereador e mestre em Planejamento e Desenvolvimento Territorial, que ficou na pasta entre 2007 e 2011.

A comissão presidida por Elias Vaz (PSB) tem a relatoria de Geovani Antônio (PSDB) e investiga a concessão de alvarás e licenciamentos em desacordo com o Plano Diretor de Goiânia.

Liberdade

Também tucano, o presidente da Casa, Anselmo Pereira, afirmou que os integrantes do colegiado têm “toda a liberdade” para agirem como quiserem. “Eu sou um democrata, embora um democrata duro e correto, que entende do regimento interno. Não interferi na escolha dos integrantes da comissão. Cabe a eles decidir quem deve ou não ser convocado”, afirmou, em entrevista ao Jornal Opção Online.

Leia mais:
CEI da Saneago será instalada apenas em agosto
Se construídas, torres podem superar população de 80 cidades goianas
Euroamérica entra com mandado de segurança contra a Câmara de Goiânia
Secretário diz que há denúncias “com procedência” na antiga Seplam
Paulo Garcia defende construção do EuroPark

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.