Comerciantes de Nerópolis fazem pressão contra decreto que fecha estabelecimentos aos fins de semana

Empresários querem que as atividades essenciais possam retornar ao funcionamento normal

Comerciantes foram até a Prefeitura de Nerópolis na tarde desta sexta-feira, 10, para pressionar o prefeito Gil Tavares (PRB) a flexibilizar o decreto que obriga o fechamento de todos os estabelecimentos aos finais de semana. Os empresários querem que ao menos as atividades consideradas essenciais possam funcionar aos sábados e domingos. 

O empresário e representante da Associação Comercial, Industrial, Agronegócios e serviços de Neropolis (Acianer), Anselmo Pereira, conta que a decisão de pressionar o prefeito por uma flexibilização partiu da classe empresarial e do anseio da população. “Aos finais de semana tudo se fecha, as pessoas não conseguem comprar pão ou remédios”, disse.

Segundo o Anselmo Pereira, a decisão do prefeito de Nerópolis está em discordância com o que se aplica em outros municípios. “As cidades vizinhas estão todas com comércio funcionando no fim de semana. Pelo menos o essencial é necessário abrir, caso contrário, estamos obrigando as pessoas a saírem de Nerópolis e ir para outras cidades para comprar o básico”, disse.

Anselmo Pereira conta que o prefeito Gil Tavares ouviu aos pedidos dos empresários e se comprometeu a revisar o atual decreto, de modo que o comércio essencial possa abrir aos fins de semana. “Ele assumiu o compromisso com todos nós.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.