Com incorporação do PRP, Patriota goiano passa a dar apoio total a Ronaldo Caiado

Partido Republicano Progressista, do deputado federal eleito Alcides Rodrigues, passa a se integrar totalmente ao Patriota. Presidente da sigla em Goiânia afirma que mudança é “positiva”

Fotos: reprodução

Por conta da cláusula de barreira o Partido Republicano Progressista e o Patriota são duas das legendas que não receberiam tempo de TV e acesso ao dinheiro do fundo partidário nas próximas eleições. Isso por não terem conseguido eleger a quantidade necessária de políticos em 2018, o que fez com que as siglas informassem sua “fusão”, para somar forças. Em Goiás, porém, essa “união” trará, também, mudanças em questão de apoio ao governo.

Vale lembrar antes que, na verdade, conforme explica o presidente do Patriota em Goiânia, Claudivino Vieira, o PRP, partido que elegeu o senador Jorge Kajuru e o deputado federal Alcides Rodrigues, irá se incorporar ao seu partido, ou seja, o Patriota continua com o mesmo nome e o PRP, de certa forma, deixa de existir.

Sobre o apoio ao governo, o Patriota, que passou por diversas mudanças na direção regional durante 2018, declarando por vezes apoio a José Eliton (PSDB) e, outras vezes, a Ronaldo Caiado (DEM), deverá apoiar integralmente Caiado, já que uma das principais lideranças da sigla deve ser Alcides.

Segundo Claudivino, mudança deve ser “positiva”, pois trará um equilíbrio maior nas decisões do partido.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.