Cliente vai receber pensão e indenização de R$ 10 mil após acidente em área de troca de óleo

Ação foi confirmada pelo laudo médico pericial nomeado pelo juiz que concluiu que em decorrência do acidente a autora possui invalidez parcial

Um posto de combustíveis terá que pagar mais de R$ 10 mil a uma mulher que sofreu lesões graves no ombro depois de cair num vão de troca de óleo dos veículos. Ela também vai receber pensão mensal. A decisão é da juíza Lídia de Assis e Souza Branco, da 5ª Vara Cível da comarca de Aparecida de Goiânia ao entender que o serviço do estabelecimento foi defeituoso ao fornecer segurança que o consumidor dele pode esperar.

Para magistrada, a requerida tem o dever em fornecer aos clientes a devida segurança, mantendo a integridade física, uma vez que o Código de Defesa do Consumidor (CDC) prevê que o serviço é defeituoso quando não fornece a segurança que o consumidor dele pode esperar.

De acordo com os autos, a ação foi confirmada pelo laudo médico pericial nomeado pelo juiz que concluiu que em decorrência do acidente a autora possui invalidez parcial, permanente, funcional, incompleta em grau residual para o ombro direito. O acidente aconteceu dia 20 de junho de 2019, quando a mulher acompanhava a troca de óleo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.