Ciro Gomes nega possibilidade de aliança com PT no primeiro turno

Presidenciável disse que já está procurando outros nomes e conversando com os outros partidos para definir o vice de sua chapa

Foto: Bruna Aidar | Jornal Opção

O ex-ministro e pré-candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, afirmou neste sábado (5/5) que a chance de uma aliança com o Partido dos Trabalhadores (PT) no primeiro turno das eleições presidenciais é “próxima de zero”. A informação é do jornal O Estado de São Paulo.

O presidenciável disse que já está procurando outros nomes e conversando com os outros partidos para definir o vice de sua chapa, mas deixou claro que uma negociação com o partido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso pela Lava Jato, seria bem recebida.

Ainda esta semana, Gleisi Hoffmann, presidente do PT, descartou a hipótese sugerida pelo ex-governador Jaques Wagner sobre um eventual apoio ao candidato Ciro Gomes, do PDT;  “mas ele não sabe que o Ciro não passa no PT nem com reza brava?”, questionou

Deixe um comentário