Ciams do Jardim América será fechado em outubro para reforma

Moradores da região terão que buscar atendimento na unidade do Novo Horizonte, a 5,7 quilômetros de distância

Ciams será demolido para a construção de UPA | Foto: Divulgação

Após especulação e incerteza por parte da população, a prefeitura de Goiânia anunciou a data de fechamento do Centro Integrado de Atenção Médico Sanitária (Ciams) Jardim América, que será demolido para construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Segundo a administração municipal, a partir do dia 2 de outubro a atual estrutura física e de pessoal do Jardim América será transferida para o Ciams Novo Horizonte. A expectativa da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) é de que esse processo de migração ocorra ao longo de toda a semana e termine até o dia 6.

Em seguida, o Ciams Jardim América será fechado para construção da UPA. “Inicialmente, propusemos à construtora que realizasse as obras parcialmente, mantendo uma ala em funcionamento enquanto a outra estava em obras. A empresa, no entanto, ponderou que esse formato prolongaria ainda mais o tempo de obras algo que, além de prejudicar a população, colocaria em risco os recursos que recebemos do Governo Federal, pois a verba tem prazo de utilização”, justificou a secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué.

O Ciams Novo Horizonte, para onde os pacientes deverão se dirigir, fica a 5,7 quilômetros da unidade do Jardim América. A SMS informou que a estrutura atual será demolida para a construção de uma nova. Mesmo assim, afirma que a expectativa é de que as obras sejam concluídas em 180 dias.

Com o fechamento de mais esse Ciams, Goiânia fica sem duas unidades em funcionamento, já que o centro integrado do Urias Magalhães está fechado desde 2013 para reforma, sem previsão para o fim das obras.

“Reconhecemos, claro, que o fechamento de qualquer unidade de saúde é sempre um transtorno e preocupa os cidadãos. Mas da nossa parte, garanto, não vamos deixar a população desassistida. Essa UPA é de extrema importância para melhoria da saúde pública em Goiânia. Não vamos abrir mão dela. Os transtornos passam, os benefícios ficam”, afirmou Fátima Mrue.

O fechamento do Ciams, de fato, causou muita apreensão por parte dos moradores da região. Uma das maiores unidades do município em termos de número de atendimentos, o Ciams Jardim América atende a população do Novo Mundo, Bueno e toda região Sudoeste de Goiânia.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Alizio Pinheiro

A Galáxia inteira já sabe que este é mais um plano político desumano para cortar gastos com a saúde pública. Na minha modesta opinião, a solução seria extinção de todo e qualquer serviço publico em prol da privatização. Quem não teria condições o Estado pagaria. Seria muito mais barato para o cidadão, no mínimo a gigantesca carga tributária seria reduzida pela metade. Acho que num futuro breve será o fim deste Estado ineficaz, que escraviza a iniciativa privada para unicamente manter mordomias e super-salários de imprestáveis na cúpula dos poderes. CHEGA!!!!!