CEI ouve diretor da SMS que teria favorecido empresa de manutenção de veículos

Luiz Teófilo é apontado como responsável por direcionar a manutenção da frota para a oficina, que teria atuado sem contrato entre junho de 2017 e janeiro de 2018

A Comissão Especial de Inquérito (CEI) que investiga irregularidades na Saúde em Goiânia ouvirá, na próxima segunda-feira (5), o diretor administrativo da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Luiz Teófilo. Ele foi apontado pela ex-diretora de Regulação Daniela Domiciano como responsável pelo serviço prestado pela empresa Inovar na manutenção dos veículos da secretaria, sem contratação.

Segundo a ex-gerente de transporte da SMS, ele teria favorecido a Mecânica Inovar, direcionando a manutenção da frota para a oficina, que teria atuado sem contrato entre junho de 2017 e janeiro de 2018.

A oficina continua prestando serviço ao município por intermédio da Neo, que venceu a licitação para ser gestora da frota. Na última segunda-feira, vereadores foram à oficina e encontraram sete ambulâncias paradas.

A ex-diretora afirmou também à CEI que denunciou o caso à secretária Fátima Mrué, que não a teria levado a sério. Em depoimento depois de Daniela, a secretária disse que conversou com Luiz Teófilo sobre a denúncia e ele teria negado irregularidades para beneficiar a Inovar.

O depoimento de Luiz Teófilo está previsto para segunda-feira (5), às 8h30, na Sala das Comissões da Câmara.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.