Caso Lázaro: Justiça solta fazendeiro acusado de ajudar criminoso durante fuga

Preso desde o dia 24, Elmi Caetano Evangelista terá de usar tornozeleira eletrônica e não poderá sair à noite de sua casa

Fazendeiro Elmi Evangelista| Foto: Ed Alves / CB/DA Press

O fazendeiro Elmi Caetano Evangelista, de 73 anos, acusado de abrigar e ajudar o criminoso Lázaro Barbosa a fugir dos policiais, foi liberado do presídio de Águas Lindas, no Entorno do Distrito Federal. Ele estava preso desde o dia 24 de junho.

A Justiça determinou que ele use uma tornozeleira eletrônica, não deixe a cidade e não saia de sua casa durante a noite. Um dos caseiros que trabalhava na fazenda de Elmi, contou à polícia que o fazendeiro abrigava e fornecia comida ao então procurado Lázaro Barbosa. A polícia relatou que Elmi impediu que a polícia fizesse buscas em sua propriedade. Foram encontradas duas armas em sua propriedade.

Uma das alegações da defesa de Elmi é que o idoso tem a saúde debilitada. Eles também tentam retirar a acusação de posse de arma, já que as encontradas em sua fazenda não funcionavam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.