Carlos Antonio quer Luana Baldy como vice

Deputado estadual ressaltou que Alexandre Baldy ainda não oficializou indicação da esposa, mas que ela seria um excelente nome para a chapa

| Foto: Renan Accioly/ Jornal Opção

Carlos Antonio afirmou que PTN, PTdoB e PMB já estão apoiando sua candidatura em Anápolis | Foto: Renan Accioly/ Jornal Opção

O deputado estadual Carlos Antonio oficializou, na última sexta-feira (18/3), sua ida para o PSDB para disputar a Prefeitura de Anápolis. Agora, ele começa a trabalhar na formação de alianças para as eleições. Depois de rumores de que o deputado federal Alexandre Baldy (PTN) não aceitaria sua indicação para concorrer ao cargo, os dois se declaram unidos no projeto tucano na cidade.

Em entrevista ao Jornal Opção, Carlos Antonio afirmou que Baldy ainda não oficializou propostas de indicar sua esposa, Luana Baldy, para o cargo de vice, mas que a aliança é uma possibilidade real. “Ele mesmo nunca colocou a esposa nessa condição, estou apenas ouvindo falar, mas é um nome excelente, sem dúvida nenhuma”, afirmou ele.

Carlos Antonio se mostrou animado, no entanto, com a possível indicação de Luana para a vice. Para ele, Luana tem perfil para ocupar o cargo: “Ela é de uma família tradicional, tem tino político para participar, é um bom nome”.

Segundo ele, as desavenças entre ele e Baldy estão mesmo resolvidas: “O apoio do deputado federal é extremamente importante neste projeto. Por isso fizemos questão de fazer reunião com ele, mostrar o que pensamos”. “Hoje ele trouxe o PTN para apoiar esse projeto e estou bastante feliz – primeiro pelo trabalho que ele vem fazendo e depois pela importância que ele tem em Anápolis”, concluiu.

Além do PTN de Alexandre Baldy, o deputado contou ainda que PTdoB e PMB já estão no grupo político que o apoia na campanha. “Já estão hoje acompanhando este projeto e sendo protagonistas”, disse ele, “Nosso grande objetivo e unir a base aliada ao governador Marconi Perillo em um único projeto”.

Evitando criticar a gestão anapolina, Carlos Antonio disse ainda que o objetivo não é atacar o PT na cidade, mas sim apresentar projetos. “Eu sou da opinião de que toda candidatura tem que ser propositiva, então não vamos estar preocupados se o PT tá fraco ou forte, vamos é mostrar para a sociedade que somos a melhor opção”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.