Candidatíssimo, Marlúcio afirma: “Sem Maguito, todo mundo vira japonês”

De saída do PTB, deputado estadual analisa cenário para 2016 à sucessão de Aparecida de Goiânia

Deputado Marlúcio Pereira acredita que base governista pode conquistar Aparecida | Foto: Marcos Kennedy

Deputado Marlúcio Pereira acredita que base governista pode conquistar Aparecida | Foto: Marcos Kennedy

O deputado estadual Marlúcio Pereira (PTB) não esconde a vontade de ser prefeito de Aparecida de Goiânia. Mais bem votado na cidade à Assembleia em 2014, o petebista — que, caso a janela seja aprovada vai para o PRB — não acredita na onipotência de Maguito Vilela (PMDB).

Em entrevista ao Jornal Opção, Marlúcio afirmou que, uma vez que o atual prefeito não pode se candidatar, todos os outros candidatos “viram japonês”. Sendo assim, há chances, reais, do candidato da base do governador Marconi Perillo (PSDB) ser eleito na segunda maior cidade do Estado.

“Ninguém é imbatível. Veja só Iris Rezende… Era tido como imbatível e já perdeu três eleições para o governador. Maguito foi bom para a cidade, é preciso reconhecer. Mas o sentimento de quem mora em Aparecida é que chegou a hora de ter um prefeito de lá”, argumenta.

O deputado, que já foi vereador e vice-prefeito, acredita que agora é o momento da base governista conquistar a prefeitura. “Tudo que o governo estadual pode, fez por Aparecida. Temos história e grandes chances de vencer”, arremata.

Questionado se deverá haver mais de uma candidatura pela base marconista, Marlúcio defende a união em torno de um só nome.

No entanto, o PSDB já trabalha em torno de quatro pré-candidatos: vereadores Maione Padeiro e Cibele Tristão, Coronel Sílvio e Professor Alcides. Pode ser que haja composição, mas Marlúcio deve ser mesmo candidato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.