Campanha de vacina aftosa é antecipada em Goiás

Governo do Estado, com respaldo do Ministério da Agricultura (Mapa) conseguiu antecipar e ampliar período de imunização do gado

Vacinação contra aftosa e raiva devem ocorrer de abril a maio em 2020 | Foto: Divulgação

A Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa, que teria início em maio de 2020 foi antecipada para o dia 20 de abril, em Goiás. O prazo será estendido até o dia 31 de maio deste ano.

A autorização para antecipação foi concedida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), após uma solicitação do Estado de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa), e da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg). É estimado que 22 milhões de cabeças de gado (entre bovinos e bubalinos) de todas as idades.

Com o isolamento social, a imunização deve alcançar mais produtores rurais, que estarão em quarentena em suas propriedades. A vacina é fundamental para a saúde do rebanho e comercialização da carne dentro e fora do Brasil. Com maior prazo para imunização, a Seapa acredita que haverá menos aglomerações de produtores em lojas agropecuárias. A vacina poderá será realizada por meio de delivery.

“O trabalho tem sido feito para garantir a segurança e a saúde de todos os envolvidos no processo, principalmente para a população. O momento requer atenção, por isso o prazo mais longo para vacinação vai permitir que a sociedade possa cumprir o isolamento social”, afirmou Antônio Carlos de Souza Lima Neto, secretário na Seapa.

Além da aftosa, os produtores também terão de vacinar seus animais bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos e equídeos contra a raiva em 121 municípios de alto risco no Estado de Goiás, conforme Instrução Normativa nº 2/2017. A lista dos municípios está no site da Agrodefesa. A vacinação impede que a doença seja transmitida do gado para humanos, onde a enfermidade pode ser letal.

Após vacinarem, é necessário declarar a vacinação e rebanho, preferencialmente por meio eletrônico. Ela pode ser realizado pelo Sistema de Defesa Agropecuária de Goiás (Sidago). Pessoas que ainda não possuem login e senha no sistema, podem se cadastrar no link Sidago, no site www.agrodefesa.go.gov.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.