Pedido está entre demandas apresentadas pela candidata a prefeita do município, Vanuza Valadares (Podemos)

Durante uma reunião convocada pelo governador Ronaldo Caiado nesta segunda-feira, 12, a candidata a prefeita de Porangatu, Vanuza Valadares (Podemos), apresentou algumas demandas do município, como escritório industrial, a Lei Pro-Goiás, a conservação e a pavimentação de rodovias, a manutenção da UEG/Porangatu e implantação de cursos no campus da universidade.

A candidata ainda reivindicou a manutenção dos leitos de UTIs, implantados no Hospital de Campanha da cidade (Hcamp) para atender os pacientes vítimas do Covid-19. Em resposta ao pedido de Vanuza, Caiado se comprometeu em manter os leitos na cidade, mesmo após a pandemia.

“Foi o pedido (de Vanuza), à época, presidente do Seasa, para que nós fizéssemos uma parceria com a prefeitura e mantivéssemos todos esses leitos que lá estão funcionando. Esses leitos existem em parceria com o governo do Estado de Goiás que repassa todo mês um valor para dar condições para que essas estruturas permaneçam atendendo as pessoas” disse Caiado.

Vocês podem ter certeza, o hospital em Porangatu não vai fechar as UTIs. Terminada a pandemia, ela vai continuar fazendo ali cirurgias eletivas e cirurgias de urgências”, acrescentou o governador.

Vanuza Valadares é a única representante do norte de Goiás a integrar a equipe de lideranças políticas do Governador.