Cadela Cristal que atuou nas buscas em Brumadinho chega em Goiás para auxiliar na procura por Lázaro

Mais de 270 agentes das forças de Segurança atuam nas buscas pelo homem suspeito de matar quatro pessoas em Ceilândia, no Distrito Federal

Cadela Cristal que atuou nas buscas em Brumadinho chega em Goiás para auxiliar na procura por Lázaro | Foto: Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBM-GO)

Cristal, uma cadela que atuou nas buscas por sobreviventes durante a tragédia de Brumadinho, Minas Gerais, após o rompimento da barragem que ocorreu em 25 de janeiro de 2019 e levou 270 pessoas a óbito, chegou em Goiás para auxiliar nas buscas por Lázaro Barbosa. Neste domingo, 20, completa-se o 12º dia de buscas pelo suspeito de matar quatro pessoas em Ceilândia, no Distrito Federal, balear outras três no município de Cocalzinho e manter vítimas reféns.

A informação da chegada de cristal foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBM-GO). Cristal é treinada para farejar o cheiro de pessoas vivas ou mortas pelo ar, para que não seja necessária a utilização de objetos para que a cadela reconheça o odor e encontre vestígios.

Até o momento, a busca por Lázaro Barbosa, de 32 anos, conta com mais de 270 policiais civis, militares, federais e rodoviários federais, se concentra no distrito de Girassol, Edilândia e Cocalzinho. A suspeita é de que Lázaro esteja escondido na mata da região. Apesar de já ter tido confronto com os agentes presentes no local, o suspeito conseguiu fugir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.