Butique Solidária arrecada doações para mulheres vítimas de violência

A campanha vai até o dia 25 deste mês e visa contribuir para que mulheres recuperam a autoestima e possam recomeçar a vida

A campanha batizada de “Butique Solidária Giselle Evangelista Gonçalves”, pretende arrecadar doações de roupas, sapatos, acessórios e itens de beleza femininos e infantis que serão destinados à mulheres em vulnerabilidade social ou que sofreram violência de gênero. A ação começa nesta quarta-feira, 16, e vai até o dia 25 de março.

A campanha pretende arrecadar itens femininos com o enfoque em oferecer auxílio para mulheres que não tem recursos, que foram vítimas de algum tipo de violência e que precisam de ajuda para recomeçar a vida. “A Butique vai oferecer um guarda-roupa mínimo para elas recomeçarem”, comenta a vereadora Aava Santiago (PSDB), uma das apoiadoras do movimento.

As vítimas que terão acesso a Butique Solidária são as mesmas que são atendidas pela Ouvidoria da Mulher do Legislativo Municipal, Patrulha Mulher Mais Segura, da Guarda Civil Metropolitana de Goiânia e Patrulha Maria da Penha, da Polícia Militar de Goiás.

Segundo Aava Santiago, a intenção é socorrer e promover a autoestima de mulheres. “Ao romperem relacionamentos abusivos, muitas vezes, essas mulheres saem de casa apenas com a roupa do corpo e documentos, carregando suas crias”, diz a vereadora.

As doações podem ser deixadas em um ponto específico da campanha, localizado na galeria dos presidentes, no segundo andar na Câmara Municipal de Goiânia.

O nome da Butique é em homenagem a servidora pública goiana, Giselle Evangelista Gonçalves, que foi vítima de feminicídio, em 2018.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.