Empreendimento foi construído sem obedecer medidas de segurança. Solução para problemas deve ser apresentado até janeiro de 2019

O Corpo de Bombeiros concedeu mais 90 dias de prazo para que a construtora City Soluções Urbanas realize os reparos necessários no empreendimento City Vogue Praça do Sol Residence, em Goiânia. O edifício não seguiu as normas técnicas estabelecidas pela corporação.

[relacionadas artigos=”130739, 126617″]

O prédio em questão foi construído sem obedecer a Norma Técnica 09/2017 que determina que a distância vertical entre algumas aberturas das fachadas seja de no mínimo 1,2 metro. O City Vogue Praça do Sol Residence apresenta, na fachada lateral esquerda, aberturas com alumínio e vidro incolor com distâncias inferiores a 1 metro.

A medida de segurança dificultaria a propragação do fogo de um andar para o outro em caso de incêndio. Da forma como foi construído, o edifício coloca em risco a vida de moradores caso o prédio seja atingido pelas chamas.

A vistoria realizada pelo Bombeiros no edifício não havia detectado a irregularidade, no entanto, após denúncia do Jornal Opção, a corporação reconheceu que o empreendimento não seguiu medidas de segurança e exigiu que a construtora apresentasse uma solução para o problema.

Em julho o Corpo de Bombeiros concedeu prazo de 90 dias para que os reparos fossem realizados. Agora, a construtora solicitou prazo maior para que as obras pudessem ser finalizadas e a corporação concedeu mais 90 dias para que a City solucione os problemas.

O prazo final termina em janeiro de 2019 quando será realizada uma nova vistoria no empreendimento.