Barcelona processa Neymar e pede indenização de 8,5 milhões de euros

Segundo o clube catalão, o jogador brasileiro descumpriu contrato e caso ele próprio não pague, PSG deve assumir dívida

O Futbol Club Barcelona entrou, nesta terça-feira (22/8), com uma ação contra o ex-jogador do clube Neymar pedindo indenização de 8,5 milhões de euros por descumprimento de contrato. O brasileiro deixou a equipe catalã para jogar no Paris Saint-Germain (PSG), depois que o time francês pagou 222 milhões de euros em multa rescisória.

Em um comunicado, o Barcelona disse que quer o valor correspondente ao bônus que Neymar recebeu pela renovação de seu contrato, mais 10%. Caso o próprio jogador não pague, o clube quer que a dívida seja assumida pelo PSG. Apesar de interrompido este ano, o contrato estava previsto para acabar em 2021.

Segundo o Barcelona, o processo foi iniciado em 11 de agosto e enviado para a Real Federação Espanhola de Futebol para que ela comunicasse à federação francesa e à Federação Internacional (Fifa).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.