Garçom justificou pedido dizendo que outras pessoas estavam incomodadas e solicitou que a jornalista de 24 anos abaixasse a saia

Bar Frango Gaúcho, que fica no Jardim América | Foto: Reprodução/ Instagram

Uma jornalista de 24 anos denunciou via redes sociais que foi constrangida por um garçom do bar Frango Gaúcho, que fica no Jardim América, em Goiânia. Segundo ela, em texto publicado no Facebook neste domingo (2/7), durante almoço com namorado e amigos, ela foi orientada a “abaixar a saia” por ali ser um “bar de família”.

“Tem muita gente incomoda”, teria justificado o funcionário. “Na hora nem tive reação para o que ouvi” , continuou. A jornalista diz ainda que procurou o gerente, que não estava no local, e relatou o ocorrido a um homem que se identificou como “representante” do estabelecimento, que “não esboçou nenhuma reação com o acontecido”.

“Agora, fica aqui a reflexão dessa sociedade machista em que vivemos. O fato de usar uma saia foi motivo para falar que não sou de família, que não posso frequentar certos lugares. Cadê o respeito comigo? Cuidado meninas que usam saia. O Bar do Frango Gaúcho não é lugar pra vocês, ok !?”, desabafou.

Em entrevista ao Jornal Opção, Fernando Rodrigo Ascoli, filho do dono do estabelecimento, disse que o pedido foi feito para evitar brigas. “Algumas mães reclamaram. Tinha crianças no local. Ela estava praticamente seminua, com as nádegas de fora”, afirmou.

Segundo ele, “mulheres com ciúmes” poderiam gerar confusão por conta do acontecido, afirmou o representante, antes de pedir desculpas ao namorado da jovem pelo ocorrido.

Veja o desabafo na íntegra: