Avenida S-1 sofre alterações para se adequar ao corredor 85

Retorno à esquerda que dava acesso ao hipermercado Extra foi removido. Trânsito na região ficou lento

Corredor vai interligar 66 linhas, atendendo diariamente mais de 600 mil usuários | Foto: Prefeitura de Goiânia/Divulgação

Corredor vai interligar 66 linhas, atendendo diariamente mais de 600 mil usuários | Foto: Prefeitura de Goiânia/Divulgação

A Avenida S-1, continuação da Avenida 85, no Setor Bueno, registrou trânsito lento desde o meio da manhã de terça-feira (20/1). É que o trecho, próximo às avenidas T-4 e Laudelino Gomes e Rua T-14, passa por obras em razão do novo corredor preferencial do transporte coletivo.

Logo após as 14 horas, apenas um agente da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT) foi visto. Parte da S-1 estava bloqueada por conta do trânsito de máquinas pesadas.

O motorista que circular pela região vai notar como novidade a redução do canteiro central da S-1 com a T-14 e a intervenção de fluxo na Laudelino Gomes. O retorno à esquerda, que dava acesso ao hipermercado Extra, foi removido.

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semob) informou que a sinalização da via será revitalizada em caso de necessidade.

Obras

Os motoristas que passam pela Região Sul de Goiânia estão enfrentando dificuldade de trafegar desde o dia 14 de janeiro, data em que foram iniciadas as obras do corredor. O canteiro central da 85 foi fechado para conversões à esquerda para a Av.136 e para a Rua 137.

O novo acesso, no sentido Centro/Serrinha, será pelas avenidas Mutirão e T-10. A circulação no sentido avenidas Mutirão/Ricardo Paranhos foi extinto e o novo acesso se dá pela Avenida 85/Coronel Joaquim Bastos.

O projeto do corredor 85 vai interligar 66 linhas do transporte coletivo, atendendo diariamente mais de 600 mil usuários. Ao todo, as obras vão receber investimentos na ordem de R$ 145,3 milhões, oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) – Pacto pela Mobilidade, do Governo Federal e Tesouro Municipal.

Deixe um comentário