“Assembleia deu condições para governo se destacar nacionalmente”, avalia deputado

Francisco Jr. enaltece trabalho da Assembleia na aprovação de matérias importantes para o estado

Deputado Francisco Jr. em reunião com o governador Marconi Perillo

O deputado estadual Francisco Jr. (PSD) faz balanço positivo dos primeiros seis meses da Assembleia Legislativa de Goiás. Segundo ele, o Parlamento teve papel fundamental para o sucesso da gestão do governador Marconi Perillo (PSDB) em 2017.

“Demos condições para o governo se destacar no cenário nacional, apesar da crise financeira, econômica, política, e de tudo que acontece no Brasil, Goiás trabalha para sair na frente. Todos os projetos, incluindo o ‘Goiás na Frente’ passaram pela Assembleia, com a oportunidade de dosarmos e aprovarmos os principais pontos”, opinou.

Em seu segundo mandato, o pessedista, que é presidente da Comissão de Tributação, Finanças e Orçamento, destacou também a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional do Teto de Gastos — que impõe rigoroso regime fiscal e controle de despesas no estado –, cuja articulação de um grupo de deputados conseguiu flexibilizar pontos polêmicos.

Entre as mudanças, que ele classifica como “conquistas dos servidores”, está a retirada dos artigos que colocavam fim aos concursos públicos e à necessidade do Executivo em pagar o quinquênio, bem como o fim dos incentivos fiscais e também o congelamento em investimentos nas áreas da Saúde e Educação.

Francisco Jr. avaliou que o debate com o governo, em tom de muito respeito, foi fundamental para assegurar a constitucionalidade dos direitos e trazer medidas concretas para não prejudicar a prestação de serviços públicos que são essenciais para a população. “Entendemos a necessidade de limitar e criar um teto para os gastos do Estado, mas fazer isso sem interferir naquilo que já é uma conquista histórica de cada servidor”, completou.

Além da PEC, o pacote de benefícios para a Educação foi um grande avanço que teve apoio maciço dos deputados. Os projetos aprovados tratam do reajuste de 7,64% para os professores efetivos do P1 ao P4, do reajuste de 21% para os servidores administrativos e de 34% para os temporários.

O pacote também inclui a proposta que concede gratificação por capacitação continuada aos professores assistentes estaduais, que até o momento não têm direito a ela, como têm os professores do quadro permanente. Os índices podem variar de 30% a 85%, a depender do nível de capacitação de cada profissional.

Outro projeto de relevância aprovado na Assembleia foi o “Tesouro Verde”, que incentiva a preservação ambiental em troca de benefícios a produtores rurais. Relator do texto, de autoria do governo, o deputado exalta o pioneirismo: “Posso afirmar que o projeto do Tesouro Verde é uma excelente oportunidade para conciliar a preservação necessária, com a atividade econômica que mantem a pujança de nosso pais, o agronegócio.”

Questionado sobre a atuação dos deputados para além das sessões na Casa, Francisco Jr. afirmou que a base tem acompanhado Marconi nos eventos do Goiás na Frente e garantido emendas para os municípios. “Eu mesmo visitei várias cidades. Quem acompanha minhas redes sociais vê que o trabalho do deputado não se resume apenas na Assembleia, disponibilizo sempre em vídeos ou fotos por onde estou, e as ações desempenhadas”, arrematou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.