Assembleia aprova em definitivo empréstimo do TJ-GO para pagar folha do Judiciário estadual

Repasse será feito em duas vezes de R$ 155 milhões e o governador Ronaldo Caiado (DEM) promete devolver em quatro vezes

Na manhã desta quarta-feira, 3, a Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) aprovou em definitivo o empréstimo de R$ 230 milhões do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) ao Governo do Estado para pagar as folhas de junho e de julho dos servidores do Judiciário.

O repasse será feito em duas vezes de R$ 155 milhões e o governador Ronaldo Caiado (DEM) promete devolver em quatro vezes, com parcelas em setembro, outubro, novembro e dezembro deste ano.

A proposta já tem aval do próprio TJ-GO, mas ainda deve contar com autorização do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), do Ministério Público e do Tribunal de Contas do Estado (TCE). 

O deputado estadual Cláudio Meirelles (PTC) fez duras críticas ao texto e disse que não acredita que o CNJ irá permitir tal medida, por considerá-la ilegal. Caiado, no entanto, tem buscado diálogo com o presidente do conselho, o ministro Dias Tofolli.

Quando ainda tramitava na Comissão Mista, a deputada Lêda Borges (PSDB) disse que a oposição questionava sobre como ficariam servidores de outros Poderes, mas votaria favorável para não impedir que trabalhadores sejam pagos.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Alaor Silveira Dantas

Exonere os comissionados do Marconi q estão no Tce