Após fazer postagem de apoio a Lázaro, jovem é baleado e morto por policiais

O maranhense Hamilton Cesar Lima foi abordado com dois tiros e não resistiu.

Em Presidente Prudente, no Maranhão, na última sexta-feira, Hamilton Cesar Lima de 23 anos, foi morto por três agentes da Polícia Civil. O jovem, que sofria de transtornos mentais, tinha feito uma postagem em que desejava ‘boa sorte’ ao serial killer Lázaro Barbosa. Os policiais teriam recebido a denúncia da publicação do jovem e ido até a casa dele.

Segundo os policiais, supostamente o jovem teria os ameaçado com uma faca e para contornar a situação eles teriam disparado dois tiros. Contudo, um dos disparos atingiu ao rapaz. Ele foi encaminhado para um hospital da região, mas não resistiu.

A família contestou a versão da polícia e disse que “Não tinha o maior sentido do mundo eles chegarem lá assassinando ele. E ele não usava ferramenta nenhuma. A polícia não falou nada, quando chegou lá, foi metendo bala e quase matou um idoso de 100 anos”, disse ao portal G1. Os três agentes envolvidos no caso foram afastados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.