Apesar de 141 notificações de suspeita de sarampo, procura pela vacina em Goiás é baixa

Estado executa um plano de contingência da doença no território goiano

Foto: Divulgação

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informou que a procura pelas doses da vacina contra o sarampo na primeira semana campanha de vacinação em Goiás foi baixa. Segundo o boletim epidemiológico de sarampo, já foram notificados 141 casos suspeitos da doença no Estado. Destes, 88 foram descartados, 49 seguem em investigação e quatro foram confirmados. Com a volta da circulação do vírus do sarampo no País, a secretaria executa um plano de contingência da doença no território goiano.

A cobertura vacinal de crianças de 1 ano de idade atual é de 86,60%. A meta é atingir 95%. Em Goiás, três municípios seguem com cobertura abaixo de 50% para crianças de 1 ano de idade, são eles Faina, Formoso e Novo Planalto. Todas as 246 cidades goianas estão abastecidas com doses da vacina.

Nos próximos dois meses, a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo será realizada de forma seletiva e em duas etapas. De 7 a 25 de outubro, o foco da campanha são as crianças de seis meses a menores de 5 anos. O dia D – dia de mobilização nacional – será realizado em 19 de outubro.

A segunda etapa, de 18 a 30 de novembro, tem o foco na população de 20 a 29 anos. O dia D ocorrerá em 30 de novembro. O objetivo é resgatar não vacinados ou completar esquemas de vacinação para a vacina Tríplice Viral. O Ministério da Saúde disponibilizou 230 mil doses da vacina Tríplice Viral para Goiás, destas 150 mil para rotina e 80 mil para a primeira etapa da campanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.