Aos 11 anos de idade, bailarina goiana concorre a uma vaga em uma das maiores escolas de balé do mundo

A aluna de balé goiana, Ana Cara Alves Costa, tem 11 anos e já é um dos grandes destaques da dança em Goiás

A aluna de balé goiana, Ana Cara Alves Costa, tem 11 anos e já é um dos grandes destaques da dança em Goiás. A dançarina, que é aluna do Núcleo Livre de Artes do Sesc Centro, se classificou na primeira etapa do concurso para ingressar na Escola de Teatro Bolshoi, uma das principais do mundo.

Ana deve participar na próxima etapa, que acontece em outubro na cidade de Joinville, em Santa Catarina. “Ela já está em uma turma que não é para a faixa etária dela, porque tenho visto o seu crescimento durante todos os anos em que está comigo. A oportunidade do teste apareceu e achei que ela estava preparada para o perfil que o Bolshoi escolhe, também pela técnica”, afirma a professora Ludimila Rocha.

De acordo com Ludimila, a aluna mostra grande habilidade e tem o perfil físico-anatômico de bailarina. A professora também comenta sobre a disciplina do balé e a importância que estudar desde cedo representou para Ana Clara. “O balé interfere sim, e no caso do Bolshoi é uma coisa muito mais rígida, então o balé precisa trabalhar o aluno desde quando ele é criança, para quando surgir uma oportunidade dessa ele não se assuste tanto”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.