Ao menos quatro laboratórios ainda podem ser fechados em Goiânia por suspeita de fraude

Um laboratório já foi fechado e duas pessoas presas nesta quinta-feira (22/3), no setor Aeroporto

Nathan Sampaio

O delegado do 1º Distrito Policial de Goiânia, Izaías Pinheiro, revelou ao Jornal Opção, nesta sexta-feira (23/3), que mais quatro laboratórios estão sendo investigados em Goiânia por falsificar exames clínicos. Todos os estabelecimentos podem ser fechados pela vigilância sanitária.

“Quando a Vigilância Sanitária estiver nos laboratórios e solicitar a presença da Polícia Civil, iremos comprovar se existem provas criminosas para promover a interdição”, disse. O delegado afirmou que ainda não é possível saber quais são as clínicas e nem quando vão ocorrer as abordagens.

Na manhã de quinta-feira (22), o Imuno Laboratório Clínico, localizado no Setor Aeroporto, foi interditado após denúncia de fraude. O local utilizava materiais para a realização dos procedimentos de forma negligente. As amostras de sangue eram colhidas pela faxineira, o material coletado era guardado em uma geladeira, junto com alimentos. Além disso, kits indicados para realizar cerca de 50 exames eram usados mais de 600 vezes.

A clínica é conveniada à Prefeitura de Goiânia e realiza exames pela rede de saúde da capital. Procurada pela reportagem, a Secretaria Municipal de Saúde continua sem se pronunciar.

Deixe um comentário