Valdemar Jr diz que discussão sobre emancipação de Luzimangues deve ser adiada

O parlamentar afirma ser favorável a emancipação política do Distrito, mas foi taxativo ao dizer que não é o momento para se debater o assunto

O deputado estadual Valdemar Júnior (MDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa, na terça-feira, dia 02, para fazer uma crítica ao que ele classificou de “casuísmo político”, pelo fato de “quererem discutir a emancipação do Distrito de Luzimangues”, em um momento que, segundo ele, o mundo está voltado para deliberar pautas para resolver problemas provocados pela pandemia do novo Coronavírus.

O parlamentar, que afirmou ser favorável a emancipação política do Distrito, mas foi taxativo ao dizer que não é o momento para se debater o assunto. “Em um momento que estamos juntos, unindo esforços para discutir um assunto que está sendo debatido em todo o mundo, combate ao coronavírus, vacinação, isolamento, lockdown, distanciamento social, estamos vendo uma iniciativa de ‘casuísmo político’ no nosso Estado, onde estão falando em emancipação política de distrito”, enfatizou o emedebista.

“Concordo plenamente com a emancipação e respeito o desejo da população do sentimento libertador de Luzimangues, que é de ter o seu próprio CNPJ, de ser um município autônomo. Mas também deixo claro que esse não é o momento político para se discutir o assunto”, explicou Valdemar, reforçando que a emancipação do Distrito tem que ser discutida, mas que no momento a pauta prioritária é outra.

Valdemar ainda lembrou que o caminho natural para o Distrito de Luzimangues é a sua emancipação política, destacando que não há como recuar dessa realidade. “É um distrito que cresce a passos largos. Vai chegar o seu momento de cortar-se o cordão umbilical, de ganhar a sua maturidade política para se sonhar com a emancipação, mas volto a repetir assim como disse em uma entrevista a uma rádio em Porto Nacional: me recuso a discutir emancipação política neste momento tão grave que estamos vivenciando. Falar em emancipação política agora é você dar as costas para a Covid 19, é você dar as costas para as pessoas infectadas e as pessoas que estão em tratamento nos hospitais, buscando leitos de UTI. É você dar as costas aos recursos que devem ser aplicados para o tratamento ao combate a pandemia”, criticou. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.