Saúde comanda força-tarefa que faz 3,2 mil cirurgias ortopédicas

Hospital Geral de Palmas e mais 5 hospitais regionais fizeram mutirão de cirurgias

O projeto da Força Tarefa da Cirurgia Traumato-Ortopédica realizou, entre os meses de junho e outubro de 2017, 3.286 procedimentos cirúrgicos ortopédicos no Tocantins. Os números referentes à realização desses procedimentos foram apresentados pela Secretaria de Estado da Saúde durante audiência de conciliação com o Mistério Público e Defensoria Pública do Estado, na semana passada. O mutirão das cirurgias ocorreu no Hospital Geral de Palmas e, também, nos Hospitais Regionais de Paraíso, Miracema do Tocantins, Porto Nacional, Gurupi e Augustinópolis.

Na audiência, o secretário de Saúde, Marcos Musafir, ressaltou o compromisso do governo estadual com o usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado, informando que as questões referentes à rouparia se encontram em processo final de contratação. Na mesma audiência, os coordenadores de ortopedia do HGP acordaram iniciar os procedimentos para retomada das cirurgias eletivas assim que o novo centro cirúrgico for concluído, o que deve ocorrer no máximo em 90 dias. Na audiência, ficou definido que o Estado realizará no mínimo 30 cirurgias eletivas por mês, a partir de janeiro do próximo ano. Após a entrega do novo centro cirúrgico, há a previsão de que essa meta aumente para 40 cirurgias por mês, sem o prejuízo do serviço de urgência e emergência.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.