Saúde anuncia ações do Outubro Rosa

A promoção de ações que alertem para a prevenção e o combate ao câncer de mama foi anunciada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) que garantiu, por meio das unidades hospitalares geridas pelo Executivo, para a próxima semana, uma série de atividades alusivas ao Outubro Rosa.

Segundo o titular da pasta, Marcos Musafir, o objetivo é promover a conscientização das mulheres tocantinenses, principalmente as acima de 50 anos de idade, para o ato de fazer o autoexame das mamas e, se notarem alguma alteração, procurarem a unidade básica de saúde, onde um especialista, caso necessário, encaminhará para outros exames, como mamografias, biópsia, o que for preciso para fazer o diagnóstico. “Cada pessoa precisa cuidar bem da sua saúde. A gente quer cuidar bem da saúde de todo mundo, mas se cada um zelar pela sua, isso reduz muito o número de internações nos hospitais.”

As ações compreenderão palestras, força-tarefa na análise de laudos de mamografias e agilidade no atendimento de pacientes com suspeitas de câncer. “Buscaremos otimizar os serviços prestados às pessoas com câncer, ao mesmo tempo em que manteremos o zelo para com todos os demais pacientes, como sempre fizemos, cumprindo a determinação do governador Marcelo Miranda, de promover uma saúde cada dia mais humanizada”, destacou Marcos Musafir.
Também foi feita a entrega simbólica de 30 computadores doados pelo Banco do Brasil, pela Caixa Econômica Federal e pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Tocantins (Fecomércio), que serão utilizados no Hospital e Maternidade Dona Regina. Durante o evento, a SES entregou à superintendente da Caixa, Silvia Leandra Pelloso, moção de agradecimento pela contribuição. A entrega foi feita pelo deputado federal Vicentinho Júnior.

“Esta doação é importante para agilizar o processo de informatização do hospital, que precisa de ferramentas tecnológicas para produzir informação e transmiti-las à população, e parcerias como estas garantem isso”, destacou Marcos Musafir.

Para a diretora-geral do hospital, Débora Petry, “os equipamentos são muito úteis e facilitarão o trabalho dos profissionais de saúde, que não precisarão mais lidar com tantos papéis, bem como ajudarão aos pacientes a terem acesso aos seus dados de forma mais rápida, em uma situação de retorno à unidade”, enfatizou, acrescentando que os equipamentos contribuirão principalmente para a expansão do prontuário eletrônico, já implantado na Unidade de Cuidados Intermediários.

Deixe um comentário