“Postos policiais serão um avanço enorme para o turismo na região do Jalapão”

Deputado discute medida anunciada pelo governador Wanderley Barbosa em reunião com prefeitos que teve presença dele e de outros parlamentares

Deputado estadual Cleiton Cardoso (PTC) | Foto: Reprodução

A segurança no Jalapão foi tema de reunião do governador Wanderley Barbosa (sem partido), com autoridades políticas dos municípios da região do parque. Nela o governador em exercício anunciou a instalação de postos de segurança em vários pontos. Estiveram presentes os deputados estaduais Cleiton Cardoso (PTC) e Ricardo Ayres (PSB), os prefeitos Kleber Rodrigues (PSD), de Ponte Alta do Tocantins; José Luciano (PSD), de Ponte Alta do Bom Jesus; Antônio Campos (PSB), de Santa Tereza do Tocantins; e o presidente da Câmara de Ponte Alta do Tocantins, Railton de Souza (PTB).

Chamada de Companhia de Policiamento e Turismo (CPTUR), a base ficará em espaço cedido pelo Aeroporto de Palmas. Haverá pontos no distrito de Taquaruçu, em Ponte Alta do Tocantins, São Félix do Tocantins e Mateiros. O Jornal Opção conversou com o deputado Cleiton Cardoso sobre o projeto e também sobre seus planos políticos para este ano.

Sobre os novos postos de policiamento, o que motivou a iniciativa e quais as vantagens do projeto?

A gente sabe que onde tem turismo têm pessoas e aglomeração. Devido ao crescimento do Tocantins, o governador teve a iniciativa desse projeto. Então, comprou carros off-road para andar em estradas de maior dificuldade, como é o caso da região. Um ponto ficará em Ponte Alta do Tocantins, então é um avanço enorme para dar o cuidado necessário ao turismo, controlar de aglomeração e tomar as demais medidas necessárias. Para nós, é um passo grande e um avanço.

Qual a previsão de início para o projeto?

O mais rápido possível. Os carros já estão em Palmas, agora depende do comando-geral. Esta semana, o governador cobrou do coronel Barbosa [Jaizon Veras Barbosa, comandante-geral da PM no Estado] agilidade na instalação do posto de policiamento.

O sr. será um apoiador do governador Wanderley, caso ele entre no pleito de eleição este ano?

Sim! Sou apoiador, estou na base do governo, pretendo dar um suporte à base do governo e também às pessoas que nós representamos. Estou aguardando a decisão do governador para saber por qual partido ele irá e eu o seguirei.

O deputado vai pleitear algum cargo este ano?

Eu estive como Vereador dois anos, de 2012 a 2014. Então, fui eleito deputado estadual com 9 mil votos, o 13º mais votado. Agora, em 2018, fui o terceiro mais votado. Então este ano colocarei novamente à disposição para reeleição e cabe a população tocantinense reconhecer se eu mereço me manter no cargo. Eu estou fazendo de tudo para cumprir meu dever para que eu possa continuar como deputado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.