Para conter gastos, Governo do Tocantins anuncia exoneração de 2 mil servidores

Governador anunciou outras medidas para diminuição das despesas, como suspensão de concursos em andamento e proibição de novos contratos

Em reunião, Marcelo Miranda anunciou novas medidas para controlar as despesas do Estado | Foto: Reprodução

Em reunião, Marcelo Miranda anunciou novas medidas para controlar as despesas do Estado | Foto: Reprodução

Amanda Damasceno

O Governo do Tocantins anunciou nesta quinta-feira (10/11) algumas medidas para contenção de gastos. As ações anunciadas pelo governador Marcelo Miranda (PMDB) visam evitar novas despesas, mas não atingirão os serviços essenciais como saúde, educação e segurança pública.

“A economia desse Estado tem tudo para voltar a crescer, sobretudo com a participação de todos”, disse o governador. Marcelo ressaltou que o governo vem “unindo esforços para cumprir com os compromissos, principalmente com nossos servidores”.

Entre as medidas do decreto assinado nesta quinta-feira, está a alteração da jornada de trabalho dos servidores de 8h para 6h. Essa mudança será válida a partir do próximo dia 21/11 até o dia 30 de abril de 2017 e trará uma economia estimada de 10% nas contas de água e energia e 20% com viagens, telefonia e combustível.

Também serão exonerados — até a próxima segunda-feira (14) — 2.000 servidores de cargos comissionados ou que tenham contratos temporários. Só essa medida deve fazer com que o governo economize R$ 120 milhões nos próximos dois anos.

Outras ações para contenção de despesas anunciadas foram a proibição de novos contratos que envolvam transportes, locação de imóveis, cursos, congressos e seminários; suspensão de vagas ofertadas nos concursos em andamento, bem como lançar novos concursos, excetuando-se os da Cidadania e Justiça, SSP, Unitins e PM e, por fim, a cessação de pagamento de horas extras para servidores que não forem das áreas de segurança, saúde e educação.

“Essas medidas vão ajudar a ajustar as contas”, justificou o governador Marcelo Miranda. “O governo não está parado, estamos trabalhando”, afirmou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.