Operação “Primeira Parcela” é deflagrada pela PF no Tocantins

Operação busca identificar e desarticular, organizações criminosas que cometeram fraudes para obter o auxílio emergencial

A ação é resultado da Estratégia Integrada contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, o Ministério Público Federal (MPF) o Ministério da Cidadania (MCid) , a CAIXA, a Receita Federal (RF), a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Tribunal de Contas da União (CGU), cujo objeto é a racionalização dos procedimentos de apuração criminal, com foco na atuação de grupos, associações ou organizações criminosas e a desarticulação de fraudes estruturadas.

Cerca de 60 Policiais Federais cumprem 10 mandados de busca e apreensão. Outros quatro mandados de prisão em ações que estão sendo desencadeadas nos Estados de São Paulo, Bahia e Tocantins.

No Tocantins a Operação “Primeira Parcela” se refere ao cumprimento ao mandado de busca e apreensão na residência de um suspeito de cometer diversas fraudes ao auxílio emergencial em Araguaína/TO. O investigado é suspeito de cometer os crimes de furto mediante fraude e lavagem de dinheiro, além de possível envolvimento em organização criminosa especializada em fraudes bancárias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.