Governo reconstrói mais de 1,5 mil km de rodovias em todo o Estado

Ao todo, são 1,1 mil km de obras em rodovias ao custo de R$ 251 milhões

O governo do Tocantins está reconstruindo cerca de 1,5 mil quilômetros de rodovias estaduais. As obras integram o Programa de Desenvolvimento Regional Inte­grado e Sustentável (PDRIS), na modalidade Contrato de Reabi­litação e Manutenção de Rodovias (Crema). Além dos serviços de reabilitação e reforço estrutural no pavimento asfáltico, as vias também estão recebendo melhorias no sistema de drenagem e na sinalização.

Ao todo, estão sendo investidos R$ 314 milhões. O valor é oriundo de financiamento com o Banco Mundial (Bid). As obras têm como objetivo a melhoria do sistema logístico do Tocantins, facilitando o tráfego nas estradas tocantinenses, melhorando assim, o escoamento da produção regional e a segurança dos usuários. O Crema prevê obras na malha viária estadual de 72 municípios. Na região do Bico do Papagaio, 18 trechos de oito rodovias recebem os serviços. Cerca de 378,4 quilômetros estão sendo reconstruídos ao custo de aproximadamente R$ 88 milhões.

Outros dez trechos, somando 302 quilômetros em três rodovias na região norte, nas proximidades de Araguaína, estão passando por melhorias que devem beneficiar diretamente oito cidades. Dois desses trechos, que fazem parte da TO-222 e que ligam a Capital do Boi Gordo a Aragominas, foram entregues na semana passada pelo governador Marcelo Miranda, que também deve inaugurar outros trechos ainda neste semestre, com investimentos de R$ 68,5 milhões.

O diretor de Operação e Con­servação Rodoviária, Manuel Lúcio Ruiz Filho, disse que o governo também deve entregar em breve um trecho de 172 quilômetros da TO-050 na região sudeste do Tocantins. O trecho da rodovia, que liga Natividade à divisa de Goiás, já está concluído. Segundo ele, as obras irão facilitar o tráfego entre os dois Estados, beneficiando diretamente os moradores do Povoado Príncipe em Natividade, de Conceição do Tocantins e de Arraias. O valor investido é de R$ 39,9 milhões.

Trechos da TO-280 e da TO-373 no sul do Estado também recebem obras. Na região são mais de 291 quilômetros sendo restaurados ao custo de R$ 54,2 milhões. As obras também visam facilitar a circulação entre Tocantins e Goiás, via o trecho da TO-373 entre Araguaçú e São Miguel do Ara­guaia. Além disso, a região se destaca na criação de gado de corte e a melhoria das vias irá facilitar o transporte da produção local.

Cidades importantes para a economia tocantinense foram contempladas pelo projeto, como é o caso da região central do Estado, local de economia pujante e com grande potencial agrícola e cerâmico onde 186,1 quilômetros de rodovias foram reconstruídos e entregues, beneficiando as cidades de Pugmil, Pium, Nova Rosalândia, Lagoa da Confusão, Paraíso, Divinópolis, Monte Santo e Cristalândia.

Rodovias que cercam a cidade de Palmas também já foram entregues. Nesta região 226,27 quilômetros de asfaltos foram reformados. Entre as vias estão a Rodovia TO-050 entre Palmas e Porto Nacional; a TO-445 entre Miracema e a Usina Luis Eduardo Magalhães; a TO-342 entre Miracema e Mi­ranorte; e a TO-010 entre a capital e a cidade de Lajeado.

Atualmente, o governo está realizando obras de reconstrução asfáltica de 36 trechos de rodovias estaduais de norte a sul do Tocantins. O custo das obras é de pouco mais de R$ 251 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.